A paz do Senhor para a igreja!

Pastor… podem até pensar como em tão pouco tempo, eu já tenho meu segundo testemunho.

Irmãos, depois que dei meu primeiro testemunho, minha vida virou de cabeça pra baixo. O inimigo se levantou com muita vontade sobre minha vida. Na minha primeira semana, eu não consegui vir à igreja nenhum dia da semana. Chorei a semana inteira, sentindo um vazio muito grande e uma tristeza imensa dentro do meu coração, por não conseguir estar ouvindo na igreja a Palavra do Senhor.

Durante essa semana, não tive nenhuma cliente, ficando zerada novamente. Na segunda semana, acordei decidida a não me entristecer como na semana anterior. Eu colocava meus joelhos no chão, e orava ao Senhor. Eu tinha muita certeza que Ele sabia o que estava fazendo. Na terça-feira, eu sem dinheiro não podia ir a igreja novamente, pois nem no fim de semana consegui uma cliente.

No horário do culto de jejum na INN (Igreja do Nazareno em Nilópolis), eu acordei em casa e fiz minha oração, e jejuei em casa, a manhã inteira. Fiquei conectada com Deus a manhã inteira. Minha terça-feira foi calma, com muita paz; apesar de nada ter, mas com a certeza de que Deus estava à frente de tudo.

Na tarde desta terça-feira, um pastor tocou minha campainha, e veio trazer uma cesta básica. Fiquei muito feliz, por Deus ter provido mais uma vez sobre minha vida, provando que me escutava durante meus clamores.

Na quarta-feira, o pastor Alessandro esteve em minha casa, para uma oração. Queridos, não tenham vergonha, como eu tive, de falar com o pastor a mais tempo; pois a cada dia que passa, vejo que ganhei uma linda família.

Na hora que o pastor Alessandro começou a conversar comigo e mais três pastores; eu ia ‘sugando’ cada palavra que saía de sua boca em relação ao meu trabalho. E numa hora ele falou que haveria mudança em relação ao meu trabalho. Ele intercedeu pela vida de meu filho, e pela minha vida. Durante a oração, me senti mal. Enquanto orava, veio um demônio sobre meu corpo, e indicou onde havia sido feito um trabalho para mim. Quando voltei a mim, estava ajoelhada no chão, meu joelho sangrava e minhas mãos e unhas cheias de terra.

Após isso, descobri que me sentia mal em casa, e passava por dificuldades financeiras; por causa deste trabalho feito para mim. Quando os pastores se foram, eu fiquei muito cismada, e comecei a cavar meu quintal. Enquanto cavava, achei um trabalho de feitiçaria enterrado em meu quintal. Na mesma hora bati uma foto e mandei pro WhatsApp do pastor Alessandro. Eram sete moedas amarradas em um pano vermelho, com búzios dentro. Na mesma hora eu peguei aquilo SEM MEDO ALGUM e joguei no lixo.

Após essa visita dos pastores, minha vida começou a melhorar. Uma coisa que me ajudaria muito era meu filho estar em um transporte escolar, pois as vezes era complicado leva-lo a escola, enquanto tinha horário marcado de unhas de clientes. Pra glória de Deus, uma pessoa que era cliente, e nos tornamos muito próximas, me perguntou se eu aceitaria fazer trocas de serviços; ela levaria meu filho à escola, e eu faria a unha e depilação, por semana. Eu, obviamente, aceitei na mesma hora. Na quinta-feira, e na sexta-feira, meu filho já estava no transporte escolar.

Na quinta-feira, no culto dirigido pela JNI Nilópolis, a pregação foi com o Pr. Marcus Salles, onde ele fez uma pregação abençoada, que tomei pra mim com toda certeza de que Deus estava preparando uma coisa maravilhosa. Na sexta-feira, recebi uma proposta, e estou entrando em uma sociedade, onde meu pequeno Atelier de Unhas se tornará um Salão Alkhimia; com cabelos, unhas, depilação, limpeza de pele e massagem relaxante.

Tudo o que o pastor tinha me dito, Deus mais uma vez me mostrou, que na Presença dEle eu só tenho a ganhar. Nesta sexta-feira, sábado e domingo eu trabalhei, e foi muito bom!

Meu outro vício, o CIGARRO, graças a Deus já tem mais de um mês que não ponho um cigarro na boca; pois não admitia estar na presença de Deus, e continuar no vício do mundo. Mais uma vitória que conquisto na Presença do Senhor. Hoje estou muito feliz, pois decidi que irei me batizar. Sei que lutas virão, mas luta na Presença de Deus é luta ganha.

 

“Tudo posso nAquele que me fortalece.” – Tudo Posso (Diego M Azevedo)

 

E.